Categoria: Balelas & Beleza

Sabonetes vegan? Tem sim senhor!

Oiii! Vamos falar de sabonete? Já falei outras vezes que o veganismo (ou a caminhada até ele) vai muito além do prato. Ser vegano na alimentação é fácil, o difícil é o desdobramento dele para todas as outras áreas da vida. Digo isso porque a indústria em geral é tomada por produtos derivados de animais e, para além da alimentícia,…

Cuidados com as unhas: cutículas

Oiiii!

Tirar as cutículas é apenas uma questão cultural. E muita gente pensa que quem já tira não consegue parar. A resposta é: consegue sim! Desde quando aprendemos a fazer as unhas tiramos a cutícula. Sempre! Faz parte do processo, sequer questionamos. Comigo também foi assim. Mas aí, quando estava com 26 anos e sofrendo com cantinhos arrebentados a ficha caiu: se eu tiro cutícula para ficar bonito e esses cantinhos sempre arrebentam então o objetivo não estava sendo atingido! Quanto mais em pensava, mais assustada ficava: mana, a gente pega um alicate e começa a tirar a própria pele. É quase uma auto-mutilação! Decidi que não queria mais isso para mim.

Comecei a pesquisar sobre o tema e vi que muita gente também já não tira, aprendi muito sobre como faziam. Já se passaram 6 anos desde então, nesse período devo ter tirado as cutículas umas três vezes, e lembro da sensação estranha que foi cada uma delas. No post de hoje temos algumas dicas meigas para quem quer domar as cutículas.

Óleos são excelentes aliados para a hidratação das cutículas.

Mas como fazer para que elas fiquem comportadas?

A palavra de ordem é paciência! Não tem jeito, tem horas que dá vontade de pegar o alicate e sair arrancando tudo. Mas gente, cutícula é pele, como a gente faz para manter a pele bonita? Hidrata!! Hidrata muito, hidrata com fé, e quando achar que já está bom, hidrate de novo!

Dicas para o dia a dia:

  1. No banho, empurre as cutículas, com as unhas, para que elas desgrudem e fiquem alinhadas. Faça o mesmo movimento da espátula.
  2. Sempre que for passar hidratante nas mãos, comece pelas unhas, dê uma leve massageada nas cutículas e depois espalhe para o resto das mãos. Nunca, nunquinha, coloque o creme na palma das mãos, elas são quem menos precisa de hidratação. Após espalhar nas unhas, priorize as costas das mãos.
  3. Todos os dias antes de dormir, naquele ritual de beleza/amor próprio noturno, passe um óleo de cravo ao redor de toda a cutícula, dê uma empurradinha (quando estiverem grudadas nas unhas) e em seguida, aplique o hidratante do mesmo jeito que no item 2.
  4. De manhã, após os cuidados com o rosto, dê uma atenção para as mãos.
  5. Pelo menos uma vez por semana, aplique aquela sua manteiga hidratante ao redor das cutículas, fazendo uma camada fina sobre elas e durma com o creme nas mãos, desse jeito mesmo, bem besuntado!

Como são minhas cutículas

 

Como outras áreas do corpo, tirar demais as cutículas provoca o efeito rebote, assim como lavar demais os cabelos, o rosto, lixar os pés. Isso porque o corpo vai produzir mais essas barreiras naturais de proteção. Quando paramos de tirar as cutículas a transição é a fase mais chata pois aquela pele grossa vai crescendo e a gente precisa aprender a dominá-la. Cada pessoa é única e conhece o próprio corpo, consegue medir o que funciona ou não, então não se desespere, depois de tomada a decisão é só ir trabalhando nisso. Ao longo do processo cada uma vai encontrar o que funciona melhor. Compartilho a minha experiência para encorajar quem está disposta. E lembre-se, elas sempre vão aparecer, mas com um pouco de cuidado elas ficam comportadas, mas, assim como os demais cuidados diários, esse também exige disciplina para dar resultado!! Vale a pena tentar.

E você, tira a cutícula?

Obrigada por acompanhar o Colcha,

Namastê! ❤

Como fazer as unhas durarem

Oiiii!! Sempre tive muita dificuldade em fazer minhas unhas durarem. Com três dias o esmalte já estava descascando, mas descobri um jeito delas ficarem teteia por uma semana, e depois de algumas semanas de validação do método vim compartilhar. Quer aprender? Vem comigo! Como fazer: O primeiro passo é lixar as unhas. Prefira essas lixas polidoras pois por serem menos…

Como fazer hidratante corporal de banho

Oiii!

Dias atrás ensinei uma das 467 mil formas de extrair óleo vegetal em casa, e também a receita de um esfoliante batuta para fazer com o bagaço das castanhas. Hoje trago uma receita de hidratante de banho, usando aquele óleo caseiro do post anterior! Cola aí!

Ingredientes:

  • óleo vegetal de sua preferência;
  • leite de coco (usei um industrializado mesmo, para durar mais. Certifique-se de que não tenha açúcar na composição!);
  • água filtrada AND fervida;
  • felicidade.

 

 

Modo de preparo:

Em um recipiente que seja prático para utilizar, coloque o óleo vegetal, acrescente o frasco até a metade com leite de coco e complete com água. Agite bem e está pronto.

Como já mencionei outras vezes, costumo reaproveitar embalagem de cosméticos industrializados, para essa receita pode ser de xampu ou de sabonete líquido. Antes do uso, lave-o bem com sabão e esterilize com álcool ou vinagre de álcool e deixe secar bem! Depois de seco, é só preparar a receitinha!

Um pote desse dura em média 10 dias usando no corpo todo (do pescoço para baixo).

 

Como usar? 

Quando estiver finalizando seu banho, por regiões vá aplicando o produto e espalhando com as mãos, para finalizar, dê uma enxaguada rápida e pronto, está dyva e cheirosa! Ah, agite o produto antes de usar.

 

Cheguei nessa receita na tentativa e erro, com intuição ligada a mil fui percebendo os ingredientes. Só compartilho com vocês o que é bom para mim, após um bom período de teste. Posso falar com tranquilidade que estou gostando muito do resultado. E aí, o que achou da dica? Faz e conta pra nós.

Namastê! ❤

%d blogueiros gostam disto: